Como calcular preço de doces

Vamos confessar uma coisa hoje! É incrível o número de pessoas que nos pede uma planilha para calcular preço de doces.

Muita gente não sabe quanto cobrar na hora de vender um doce, seja ele brigadeiro, bolo de pote, cupcake etc.

Então resolvemos dar essa super dica hoje!

E tenha certeza de que essa é uma super dica mesmo!

A partir de hoje você aprenderá como calcular o preço dos seus doces através de uma planilha para controle de venda de doces gratuita que iremos disponibilizar através de um link.

Mas fique tranquila que iremos explicar tudinho como essa planilha funciona.

E você vai ver que é super simples e fácil!

Uma planilha Simples e Interativa

Primeiro de tudo, não precisa se preocupar se você nunca mexeu em uma planilha.

Porque garantimos que essa é muito fácil de utilizar e além do mais iremos te mostrar em vídeo como inserir os dados.

Todos os cálculos que você precisa está dentro desta planilha, seja cálculo de produção, ingredientes, embalagens, mão de obra etc.

Você conseguirá ter um preço por cada unidade e um preço no geral.

Ou seja, tudo que você precisa saber para gerir seu negócio!

Sim, gerir seu negócio, pois não pense que vender doces não é um tipo de negócio! É um negócio e tanto!

Quem sabe até no futuro você consegue investir em algo maior e abrir uma lojinha de doces, heim?

Como é planilha por dentro?

Você já pode assistir ao vídeo e entender melhor, mas logo abaixo do vídeo iremos descrever como funciona a planilha para calcular preço de doces, ok?

Para baixar a planilha clique nesse link que te levará ao site que disponibiliza o arquivo, ok?

Primeiro de tudo, você precisa entender que é na na aba “Tabela de Ingredientes” que precisará inserir todos os dados e nada além disso!

É nessa parte que todos os dados se acomodarão e sendo assim não precisará alterar o preço em cada receita.

É na tabela de ingredientes o ponto mais importante da sua planilha, porque a partir dela que ficarão todos os ingredientes de suas receitas e respectivos preços de cada um.

O seu único trabalho será atualizar os valores dos ingredientes a cada nova compra e consequentemente tudo se atualizará automaticamente.

E ainda você poderá contar com detalhes de quantidades em gramas, mililitros ou unidades, e ainda uma tabela de médias para conversão de xícaras e colheres em gramas e mililitros. Legal, né?

Viu como será mais fácil a partir de agora?

Basta ver o vídeo acima que saberá direitinho como preencher!

E aí, gostaram dessa super dica?

Super útil, né?

Que tal então, compartilhar com as suas amigas e apresentar o nosso blog?

Ela irá curtir todas as dicas que a gente já deu e curtirá as que vem por aí em 2019!

Estamos programando muitas coisas legais para você!

Até o próximo post!

Qual tipo de negócio ter para aproveitar o Natal

Neste post ainda vamos falar de negócios, pois o Natal está chegando e muita gente tem dúvidas de como fazer doces para vender como aprender algum curso de pão de mel lucrativo, brigadeiro, trufas etc.

Pois é, está em alta fazer brigadeiros gourmet para vender!

Nossa inspiração para esse tema ainda é a nossa vó!

Como você pode perceber ela é uma empreendedora nata!

brigadeiro gourmet para venderPois por muitos anos gerenciou a imobiliária da família, mas antes de ter esse negócio, nossa vó fez brigadeiros gourmet para vender.

E foi a partir da venda dos brigadeiros que ela conquistou o mundo dos negócios.

Vovó sempre foi uma confeiteira de mão cheia e vivia fazendo muitos docinhos, então ela aprendeu muito bem como fazer doces

E mais uma vez a história de passar o conhecimento para outras gerações também se concretizou com os brigadeiros.

Pois nossa irmã do meio se tornou uma confeiteira muito bem conceituada graças a nossa vó.

Ela aprendeu primeiro fazer trufas com um curso de bombons e trufas, depois ela aprendeu outros doces da confeitaria.

Então, pensamos em dar mais umas dicas relacionadas a empreendedorismo, pegamos dicas com a nossa irmã de como empreender vendendo os deliciosos brigadeiros gourmet.

Já que o natal é uma data comemorativa bem importante para o comércio em geral, seja para donos de lojas ou autônomos.

Mas aí você deve estar se perguntando: Será que vender brigadeiro dá dinheiro?

Sim, doces gourmet pode te dar muito lucro e é o que vamos te mostrar passo a passo como fazer isso.

Dica 1

brigadeiro para venderA primeira dica é começar pelo começo.

Primeiro faça um plano de negócios.

Hoje em dia é muito fácil montar um plano de negócios simples para iniciar seu negócio.

Ou você pode procurar ajuda no SEBRAE. Lá eles irão te orientar da forma correta para iniciar.

Mas resumindo, você deve fazer um planejamento baseado na concorrência, no aspecto financeiro para investir e escolher bem o local de venda se for montar uma loja de confeitaria.

Mas se for montar algo em casa mesmo, basta se preocupar com a higiene.

Dica 2

Invista no seu conhecimento.

É extremamente importante que você entenda muito o bem o que está fazendo.

A gente vê muita gente pegando vídeos no youtube e tentando reproduzir em casa para vender os doces.

Nada disso, assim não vai dar certo.

A primeira coisa a ser feita é escolher um curso bom e que ensine todas as técnicas necessárias para você fazer os melhores brigadeiros.

Você precisa entender que se fizer o que todo mundo faz, você será só mais uma!

Então, faça o curso que te ensine o diferencial, os segredos que não tem no youtube!

Um bom curso para escolher é o da Mel Oliveira

Nesse curso há várias técnicas que não são reveladas em qualquer curso.

Além das técnicas, você irá aprender o ponto certo do chocolate, sabores variados, recheios e coberturas deliciosas,  embalagens certas e como vender.

Tudo isso será ensinado através de vídeos e e-book.

Dica 3

Ser determinada e não perder o foco.

Esses dois pontos são super importantes.

Essas dicas estão sendo citadas para aproveitar a época do natal, mas nada impede de vender brigadeiros o ano inteiro, pois há datas para isso.

Mas no caso do Natal, esse período, outubro, é o mês ideal para começar se planejar.

Desde já você já pode receber encomendas para o natal, pois muita gente gosta de presentear amigos e familiares.

Além disso, muitas empresas compram lembranças para seus funcionários e o brigadeiro gourmet passou a ser uma ótima ideia.

Já pensou se você receber uma super encomenda? Como você dará conta se não tiver planejamento?

Por isso a importância de se programar.

Dica 4

brigadeiro-gourmet-acai-banana

Variedade de sabores

Todo mundo sabe que o brigadeiro tradicional é um dos mais consumidos, mas também tem aqueles que gostam dos sabores de gourmet diferenciados e com sabores inusitados.

Então porque não agradar a todos os gostos?

Agrade a quem gosta de chocolate e faça diversas opções de chocolate, como trufados, com doce de leite, chocolate branco e preto, chocolate com frutas, pimentas, castanhas etc.

E também tem a opção brigadeiros no palito! Nesse caso, você pode vender muitos para as empresas e festas de crianças.

Dica 5

Divulgue nas redes sociais.

Hoje em dia o melhor meio de comunicação com seu cliente, definitivamente são as redes sociais.

E podemos lhe garantir que é o meio de comunicação mais barato e o que mais dará retorno.

Invista em Facebook, twitter, instagram, whatsapp!

Nessas redes seu trabalho tem a chance de viralizar e virar um grande negócio.

E quem sabe a medida que o negócio for crescendo você consegue abrir uma lojinha de confeitaria! Já pensou como seria bacana.

Dica 6

Venda pelo preço correto!

Cobre o preço justo pelo trabalho que está tendo, pelo valor dos ingredientes e pelo diferencial do seu trabalho.

Nada de ficar fazendo preços mais baratos para os mais conhecidos como familiares e amigos.

Seja justa com você mesmo, afinal, foi você que teve que estudar para aprender como fazer panetone para vender.

Resumo do artigo

Resumindo, o que você precisa saber para aprender como fazer brigadeiro gourmet para vender é simples!

E além de simples o investimento é muito baixo, pelo lucro que você terá.

Basicamente, você precisa entender o mercado, analisando a concorrência, o local de venda, os preços cobrados pelos concorrentes, fazer divulgação e o mais importante, investir em um bom curso.

Entendendo esses aspectos importantes, temos absoluta certeza de que vender brigadeiros lucrativos é questão de tempo.

A gente espera que tenham gostado dessa dica!

Se quiserem mais dicas como essas sobre confeitaria ou sobre negócios, basta nos enviar sua mensagem no comentário abaixo!

Até o próximo post!

Como é ter o próprio negócio

próprio negocioMuita gente já fez um Curso de Google Ads para seu próprio negócio. Esse é nosso segundo post, e hoje vamos falar um pouco da nossa experiência com o próprio negócio que a gente tem por herança de família.

Se você já leu o nosso menu sobre o blog já descobriu que o nome do nosso espaço foi dedicado a nossa avó, pois ela tinha uma imobiliária com esse nome.

Era um negócio de família que foi passando de geração para geração e hoje nós que administramos os negócios da família.

O que a gente quer compartilhar com você é a nossa experiência com esse mundo business.

A gente quer na verdade é incentivar você a ser dono do próprio negócio, virar seu próprio chefe e ser empreendedor.

E a razão é muito simples, aliás há várias razões para você se tornar um empreendedor.

Então, vamos te dar algumas razões para ter fazer pensar e refletir sobre essa possibilidade e quem sabe até se tronar um empreendedor de sucesso!

Razões para você ser seu próprio chefe

Você assume o controle e toma as decisões

A principal razão para você querer se tornar um empreendedor é querer assumir o controle e tomar suas próprias decisões.

Em outras palavras, possuir um negócio evita que você tenham que trabalhar para qualquer outra pessoa.

Quando você é capaz de tomar suas próprias decisões sobre a melhor forma de operar no dia-a-dia, isso leva a criar uma cultura, uma marca e uma organização.

Você ganha qualidade de vida

Você pode encontrar seu próprio equilíbrio entre vida e o trabalho se souber administrar tudo corretamente.

Um dos melhores benefícios é a flexibilidade que o acompanha, seja trabalhando a partir de onde você quiser, definindo seu próprio horário, usando pijama ou mesmo sentado ao lado de seus filhos enquanto você trabalha.

Tão importante quanto ter disponibilidade para trabalhar onde quiser, é possui um negócio que lhe permite definir suas prioridades.

Você escolhe com quem quer trabalhar

Quando trabalha para outra pessoa, raramente consegue escolher com quem trabalha.

Se você não gosta de seus colegas de trabalho, é melhor começar a enviar nossos currículos.

Esse não é o caso quando você possui seu próprio negócio, já que toma decisões sobre quem contratar e demitir.

Um dica que podemos dar é cerque-se de pessoas positivas que lhe dão confiança e otimismo de que você precisa para seguir em frente.

Não contrate pessoas negativas e isso não importa se seu negócio é pequeno ou grande.

Aliás quanto menor a sua organização, maior a escolha sobre quem você trabalha.

Você assume o risco – e colhe as recompensas

empreender

Não há dúvida de que possuir seu próprio negócio é uma proposta arriscada.

Mas, com risco vem recompensa.

Dito de outra forma, quanto melhor você administrar o risco, mais recompensas você pode colher.

O seu maior desafio é você mesmo

Algumas pessoas prosperam na rotina de seu trabalho – realizando as mesmas tarefas dia após dia e por anos.

Como empresário, você pode apostar que cada dia será preenchido com novas oportunidades para se desafiar, ser criativo e aprender algo novo.

Você pode realizar um sonho e trabalhar com o que gosta

Muitos empresários dizem que as longas horas em que investem no crescimento de seus negócios não parecem trabalho porque eles estão realmente se divertindo com o que estão fazendo.

Você pode perguntar para qualquer pessoa que trabalha com o que gosta que certamente ela irá afirmar que ela é capaz de gastar mais horas da vida trabalhando do que fazendo qualquer outra coisa, porque é um prazer trabalhar e não uma obrigação.

Você pode lidar diretamente com seus clientes

businessHá poucas coisas que deixam empresários tão satisfeitos quanto quando eles interagem com seus clientes.

Em vez de se esconder atrás de uma série e-mails ou telefonemas sem vínculos, os proprietários de pequenas empresas prosperam em lidar com os melhores clientes individualmente  ou até mesmo tomar a decisão de se livrar desses clientes que não gostam.

Você pode ajudar o local onde mora

Muitos empreendedores adoram a ideia de que, ao construir seus negócios, eles podem retribuir à localidade onde tem seu negócio, pois podem oferecer serviços, produtos e criar empregos, fazendo a economia local circular.

Você se sente orgulhoso em construir seu próprio negócio

Uma das maiores diferenças em possuir sua própria empresa em oposição a trabalhar para outra pessoa é o sentimento de orgulho que você estabelece na construção de algo próprio.

Não há nada melhor do que ser bem sucedido através do seu próprio negócio, com suas habilidades, ideias, esforços, principalmente se estiver trabalhando com o que gosta.

Sem contar que o seu negócio pode atravessar gerações e gerações como é o nosso caso!

Essas são as dicas que a gente tinha para te dar hoje!

Esperamos que tenha gostado e se gostou compartilhe com quem tem interesse em montar seu próprio negócio um dia!